Tuesday, September 26, 2006

Imagem do dia


Perigo: Machista ao volante

30 comments:

Pelicano said...

Machista? Não é o procedimento normal e natural?

Blondie said...

Estou chocada!! :O
No comments Pelicano!! :))
Benvindo.

Guizé said...

Será que o cinto serve apenas para a calar???

Pelicano said...

Chocada? Não entendo :)

Blondie said...

Guizé:
Eu penso que sim, visto estar a tapar a boca. O próprio sorrisinho irónico do homenzinho demonstra um certo alívio: "Uff já não tenho que a aturar!". Ou então há qualquer coisa nas entrelinhas que me escapa!!:)
Benvindo!

Pelicano:
Claro!! Desde quando, impedir uma mulher de falar é um procedimento natural e normal??!!?? :)

Pelicano said...

E se for com carinho?

Guizé said...

O que queria dizer é que podemos interpretar as imagens à nossa maneira.
Mas sim, eu percebi que era para ele não ter que a aturar.

Blondie said...

Pelicano:
Impedir uma mulher de falar não combina com carinho :) São dois opostos!! É como usar camisola de gola alta no Verão!!!

Guizé:
Sim, eu percebi :) de facto uma mesma imagem, ou até mesmo um texto, podem ser interpretados de várias formas, de acordo com as várias perspectivas e vivências de quem observa.

Antonio said...

O que quero tb dizer é que podemos brincar com as palavras através das imagens, podes dar sempre um outro significado à imagem. Assim tudo fica mais giro de se comentar

Blondie said...

António:
Concordo plenamente!! De facto, torna tudo mais divertido e interessante:)

Pelicano said...

Sim, sim, todos sabemos que as mulheres acham sempre que um homem é bom conversador quando se limita a ouvir e a proferir uma ou outra pequena observação que lhes permita manter o ritmo :)

Pelicano said...
This comment has been removed by a blog administrator.
Blondie said...

Exactamente... e a "pequena observação" deve ser acompanhada de um tom e de uma expressão facial adequadas, senão pode dar origem a mal-entendidos. ehehehe

Guizé said...

Então e se o tom for correcto e a expressão facial for despropositada? :)

Blondie said...

Guizé:
Se isso acontecer, então aí, poderá dar origem a conflitos. Esses conflitos poderão apresentar-se em diversos graus, dependendo da gravidade da situação :D

Guizé said...

Mas para as mulheres tudo é grave, ou pelo menos quase tudo. E é por isso é que gostamos tanto delas :)

Blondie said...

Bem visto! ehehehe

krazy-frog said...

Né nada machista, é apenas um cinto de segurança adaptado às necessidades dos nossos dias. Quem gosta de alguém ao lado sempre a abrir a boca para dizer asneiras, dar opinioes parvas e etc... no caso da foto é uma mulher mas claro k se pode adaptar a kk pessoa :p
É algo que a breve prazo será equipamento obrigatorio em todos os veículos novos, tao ou mais importante que o airbag ou abs...

archmen said...

Engraçado, quanto uma imagem que desperta o machismo ou o feminismo nas pessoas é digno de tantas palavras......
Se fosse algo mais profundo, mais inetressante ou de maior valor, desconfio que nem comentários teria.....
Enfim, é o nível habitual.....

Blondie said...

Krazy-Frog:
Não sei se essa invenção teria muitos adeptos. Sendo o Homem um animal comunicador, por natureza, acho que não ia suportar muito tempo o silêncio. :D
Benvindo

Archman:
Depois de um dia de trabalho, depois das notícias na tv, faz bem desanuviar um pouco as ideias, com estes assuntos ditos "menores".

Zpider ZeN said...

Acho que esta foto dava para um bom anuncio de prevenção rodoviária. É hábito dizer mulher ao volante perigo constante e eu costumo dizer mulher no lugar do pendura ninguém a atura…
Ou seja temos aqui um condutor que é inteligente e não machista porque ele esta a zelar pela segurança na estrada.

Guizé said...

Archen: porque não fazes um comentário mais profundo em vez de criticares, de facto a blondie tem razão, um gajo está aqui é para curtir e não para criticas sem sentido

Archmen said...

Sentiu-se muito incomodado com a crítica sr. Guizé!!! é porque lhe serviu a carapuça....porque crítica sem sentido?!?é apenas uma opinião ou não há liberdade de expressão?!?...afinal qual é o seu conceito de curtir, será tão limitativo que só pode ser curtir se for à sua maneira??!!!??alargue os horizontes e curta então a sua vida e deixe-se de comiseraçoes....

Pelicano said...

Guizé: Bem respondido
Blondie: Desde quando é que machismo ou feminismo é assunto menor? O Archmen, se lhe apetecer, pode começar a dissertar sobre o utilitarismo do John Stuart Mill e ser mais superficial na sua abordagem que nós todos juntos...
Archmen: foste de uma superficialidade profunda...

Archmen said...

Bem pelos vistos sentiram-e todos muitos ofendidos, parecem umas virgens ofendidas a querer jurar uma pureza casta....a vossa liverdade de opinião deixa mesmo muito a desejar, só serve se for para curtir e concordar com o que voces dizem.....
Digo-lhe sr. pelicano o que disse ao guizé, alargue horizontes....

Archmen said...

peço desculpa mas saiu.me liverdade invés do liberdade, mas a palavra liverdade até poderia ser empregue segundo a forma como alguns a querem só para si....

Archmen said...

Já agora pelicano
Superficialidade: qualidade do que é superficial
Superficial: adjectivo, que diz respeito à superfície; que está, cresce ou vive à superfície; pouco profundo....
por isso superficialidade profunda soa um pouco a ambiguidade, não achas, assim algo, está na superficie mas ao mesmo tempo é profundo.....parece algo Bruno Nogueira, estás lá....

Pelicano said...

O curioso é que nós não podemos ter a nossa noção de curtição mas o archmen pode ter a sua de profundidade, interesse ou valor.
Archmen, se a discussão (se é que há) entra no campo da semântica daqui a pouco estaremos a discutir o sexo dos anjos.

Bem Visto said...

Eh pá, falaram em sexo dos anjos? :) É que ainda por cima, já num dos comentários acima a blondie chamou por mim...;-)

Blondie said...

A todos:
Bem..bem..bem.. que se passa aqui?? Isto era suposto ser um espaço amigável... não quero cá zangas no meu bloguito!!! :)
Vamos lá apaziguar as coisas, para o blog prosseguir com o seu funcionamento habitual.
A gerência agradece,
Blondie
:D