Tuesday, July 31, 2007

Meu Aniversário

Hoje é o dia de meu aniversário!!
Logo ao final da tarde completarei 29 anitos de existência.
Desejo a todos um dia muito bem passado.
Voltei a contactar o Presidente da República, sobre a possibilidade de este dia passar a ser feriado, ao que ele respondeu que iria pensar no meu assunto. Já me disse o mesmo no ano passado e nada aconteceu, portanto não acredito que vá surtir grande efeito.

E agora um poema que gosto sempre de relembrar no meu ANIVERSÁRIO:

No TEMPO em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu era feliz e ninguém estava morto.
Na casa antiga, até eu fazer anos era uma tradição de há séculos,
E a alegria de todos, e a minha, estava certa com uma religião qualquer.

No TEMPO em que festejavam o dia dos meus anos,
Eu tinha a grande saúde de não perceber coisa nenhuma,
De ser inteligente para entre a família,
E de não ter as esperanças que os outros tinham por mim.
Quando vim a ter esperanças, já não sabia ter esperanças.
Quando vim a olhar para a vida, perdera o sentido da vida.

Sim, o que fui de suposto a mim-mesmo,
O que fui de coração e parentesco.
O que fui de serões de meia-província,
O que fui de amarem-me e eu ser menino,
O que fui — ai, meu Deus!, o que só hoje sei que fui...
A que distância!...(Nem o acho...)
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos!

O que eu sou hoje é como a humidade no corredor do fim da casa,
Pondo grelado nas paredes...
O que eu sou hoje (e a casa dos que me amaram treme através das minhaslágrimas),
O que eu sou hoje é terem vendido a casa,
É terem morrido todos,
É estar eu sobrevivente a mim-mesmo como um fósforo frio...

No tempo em que festejavam o dia dos meus anos...
Que meu amor, como uma pessoa, esse tempo!
Desejo físico da alma de se encontrar ali outra vez,
Por uma viagem metafísica e carnal,
Com uma dualidade de eu para mim...
Comer o passado como pão de fome, sem tempo de manteiga nos dentes!

Vejo tudo outra vez com uma nitidez que me cega para o que há aqui...
A mesa posta com mais lugares, com melhores desenhos na loiça, com mais copos,
O aparador com muitas coisas — doces, frutas o resto na sombra debaixo do alçado —,
As tias velhas, os primos diferentes, e tudo era por minha causa,
No tempo em que festejavam o dia dos meus anos...

Pára, meu coração!
Não penses! Deixa o pensar na cabeça!
Ó meu Deus, meu Deus, meu Deus!
Hoje já não faço anos.
Duro.
Somam-se-me dias.
Serei velho quando o for.
Mais nada.
Raiva de não ter trazido o passado roubado na algibeira!...
O tempo em que festejavam o dia dos meus anos!...


Álvaro de Campos
15/10/1929
Bem, depois de ter recebido uma MMS com o Batatinha a cantar os parabéns... não me sinto nada velha... acho que rejuvenesci!! :-D

15 comments:

nemadz said...

Parabéns velhota!
Deixa lá, dizem que há mulheres que até envelhecem menos mal...

Anonymous said...

Muitos parabéns!

E parabéns também pela escolha do poema!


JP

elisa allen said...

Parabens!!!
beijinhos!!!

avelaneiraflorida said...

Dou-te aqui os PARABÈNS.....MAS, se fosse a ti, ia ao meu cantito!!!!

UM BOLO CHEIO DE FOFURAS!!!!!! VELAS ESCONDIDAS!!!!! PRENDAS...ENFIM, AS MELHORES!!!!
AMIZADE...TODA!!!!!!

FL said...

Parabéns ;) Que a boa disposição contine.

J. Ferreira said...

Parabéns!!!muitos beijinhos, daquele que tá há espera das francesinhas!!!!!eheheheh!!!!Bjs.

didi said...

Se estivesse ao pé de ti oferecia-te um cupcake com 29 candles. Happy birthday!!!!

iris said...

muitos parabéns blondie... esse feriado esta muito bem visto, se precisares de assinaturas conta comigo ;)

black cat said...

Uma vez mais... PARABÉNS!
Eu também já tentei que o meu dia de aniversário fosse feriado, não consegui... Mas rebelei-me e nesse dia meto férias! :-)

Rafeiro Perfumado said...

Parabéns, jove!!! Uma grande beijoca e um graaaaande RAUF para ti!

Blondie said...

Obrigada a todos!!
Foi um dia muito bem passado, embora o tempo não esteve lá muito do meu agrado!!
Foi a última vez que soprei um 2 na velinha da esquerda...issso fez-me um pouco de "espece", mas tudo bem. Provavelmente irei viver até os 200 anos e, na altura, terei um 2 novamente a comandar os outros números.

BIGADA!!!

Beijocas

eumesma said...

Parabêns atrasados (sorry), é que não tenho andado pelo mundo da blogosfera, nem sequer pelo meu canto...

Espero que tenhas tido um óptimo dia e que continues a soprar velas pelo menos até aos 200 anos eheheh

Beijoka grande

:-)

Lurdes said...

Jovem, parabéns (embora muuuuuito atrasados!!!).
Já li lá para cima e parece que te divertiste, apesar de não teres recebido a tua prenda de sonho... mas olha que o relógio não está nada mal!
Agora pra te fazer inveja, leoazita, a mim o sr. presidente deu-me o feriado e já há muito tempo!!!! E está quase a chegar...

Beijinhos

ps- estão lindos os teus girassóis!
Vais muito para Esposende?! O meu irmão mais velho tem lá uma quinta, em Palmeira de Faro!

Emilia said...

Ai Blondinha, q eu não reparei! Desculpa o atraso imenso nestes PARABÉNS, q vão do coração, mesmo semanas depois. Beijinhos e um ano de despedida do vintes cheio de muitas coisas boas :D

Joana said...

parabéns muito atrasados! :) Para o ano chego a tempo! :)