Sunday, April 08, 2007

London, London, London (short stories)

(crónica na terceira pessoa... porque apeteceu-me)
Ora, Blondie decidiu que iria perder a cabeça, financeiramente falando, nesta sua viagem há muito planeada. Queria comprar muito, visitar ainda mais, gastar libras sem pensar nos "menos" do extracto bancário. Para isso decidiu viajar numa companhia low cost. Ah e tal porque é mais barato!

Meanwhile, no aeroporto, quado se viu de armas e bagagens a a atravessar a pista de aterragem juntamente com os restantes passageiros, como se de refugiados tratassem, começou a não achar piada nenhuma a estas coisas do low cost. Quando entrou no transporte propriamente dito, então aí ia-lhe dando uma coisinha má. O avião era muito feio, desconfortável, parecia um autêntico galinheiro. Há autocarros dos STCP mais confortáveis que aquele aviãozito. Não serviam refeições (sim, porque Blondie é uma menina muito inocente e pensava que nas low cost, serviam refeições num tabuleirozinho bonitinho, em vez de SANDES EMPACOTADAS)

What the hell!- pensou ela- tudo para chegar a terras de sua majestade! Tudo para finalmente contactar com as suas origens, com os seus genes predominantes. Mal ela sabia coitadinha, o que estava prestes a acontecer.

Blondie pisou solo britânico respirando de alívio e pensando "From now on only good things..."

Pois, pois.... espera pelas malas, espera pelas malas, espera pelas malas e nada das malas. Aliás metade dos passageiros do Porto ficaram sem malas. Lá foi ela irritadíssima ao balcão da dita companhia aérea praticar o seu Inglês arcaico. Aí informaram que devido a sobrecarga do avião as malas tinham sido deixadas no nosso país. Quer se dizer enchem os aviões que nem aqueles transportes de porcos e as malas ficam em terra! Tá mal!
Blondie irritou-se mas não lhe valeu de muito... lá foi para o seu hotel. A pensar no carregador da máquina de filmar/fotográfica e do carregador do Goldie, que tinham ficado na mala.

Contudo, chegando ao hotel, ao deparar-se com o local onde ele estava situada, toda a irritação blondiana passou!! A vizinhança era constituída por casas e jardins de cortar a respiração!! Ainda por cima o hotel estava super bem localizado. A fúria de Blondie dissipou-se até porque a companhia aérea comprometeu-se a pagar os gastos dos primeiros dias.
E logo no dia a seguir as malas haviam chegado ao hotel. UUUFFF
O próprio dono do hotel disse "You guys were very lucky".

South Kensington

12 comments:

Ebora said...

Já tenho saudades de Londres. Há mais de dez anos que não volto lá. Há-de ser um dia destes...
Beijinhos

avelaneiraflorida said...

Nada mal...para começar!!!!!

E o "filme de terror" teve continuação????

Kitty said...

Nunca me aconteceu "perder" as malinhas. Mas um dia que aconteça não respondo por mim! :-D

Rildeias said...

Anxiously waiting for the next chapter scenes!!!!

Blondie said...

Ebora,
Londres está mais bonita que nunca:-D
Tens mesmo de lá voltar! Eu já ando a pensar na próxima vez em que poderei lá voltar, nem que seja num simples e curtíssmo fim de semana.
Beijocas

Avelaneira,
graças a todos os anjinhos esse foi o único mau episódio; depois foi sempre tudo pacífico q.b. :-D
Beijocas


Kitty,
nem imaginas a minha irritação. Até porque a companhia tinha planeado isso tudo!! Já sabia que o vôo ia sobrelotado! Foi mesmo de levar à loucura!
Beijocas


Rildeias,
okidoki ;) next chapters right away...
Kisses

Lobka said...

Eheh ficar sem malas à ida é chato, principalmente em paises frios! Mas depois estas coisas são giras para contar.
Quanto às companhias de Low cost, a ultima vez que fui a Londres tb fui numa dessas e até fiquei bem impressionada! o pior são as horas indecentes a que nos obrigam a viajar. De Londres para cá o avião saía às 6h do aeroporto por isso tivemos que ir para lá às 5h... e isso custou um bocado. Acho que nem dormimos nessa noite, fomos de directa para o aeroporto! Mas, volto a dizer, estas coisas depois são giras para contar.

Sofia said...

Para mim, o momento mais tenso da viagem é a esteira de bagagens. Nem posso imaginar a minha fúria se as minhas malas forem extraviadas. Acho que viro uma loba !
Abraços,

J. said...

so british!

black cat said...

Hello! Fala-se em VIAGENS e a GATA aparece! Há 3 semana regressei de uma e já estou pronta para outra! :-)
Desculpa a soberba, but low-cost? NO WAY! Eu prefiro pagar mais, mas ter certas condições, e não me refiro ao catering, refiro-me a situações como a que contas! E de certeza que foste para o aeroporto de Standsteed... horror dos horrores! Poor Blondie!

Blondie said...

Lobka,
tens razão. Eu também costumo ver as coisas por essas perspectiva. Realmente quando tudo corre bem, não existem histórias engraçadas para contar e relembrar. ehehhehe
Isso de te fazerem viajar a essas horas, também não será muito agradável :(
Beijocas

Sofia,
eu virei uma leoa :D ainda só por imaginar que elas tinham ficado para trás no meu país de origem :S
Mas depois vinguei-.me, fui comprar roupinha e agora eles vão pagar ehehehehhe
Beijocas

J.
Indeed!! :D
Beijocas

Black cat,
benvinda!!
Pois, ainda por cima eu tenho familiares no ramo da hotelaria e disseram-me que a dita companhia em que viajei tem imensos processos em cima por casos como o meu !!! :O
Da próxima já sei, desta vez foi uma experiência :-D
Beijocas

eumesma said...

Pois, nunca viajei em low cost, mas aquilo para ser mais barato, tem que ter alguns "ses"..mas isso das malas é impressionante..ehehe

Então, deixam as malas em terra pk tem excesso de peso??? Que pouca vergonha...!!! Isso da comidinha, já eu sabia, nas low cost nunca servem comidinha, mas sim umas sandes ao preço de uma refeição completa...lol

Grandes aventuras tu passaste...

Hummm..sabes que o meu Hotel qd lá fui tb ficava nessa zona, quase quase de frente para o Hyde Park??? Essa zona é engraçada...:-)

Bjs

Blondie said...

Eu Mesma,
é impressionante não é?? Eles carregam os aviões até ao tecto de pessoas e depois as malas ficam em terra! :( já se viu isto??!!??

O teu hotel ficava por aqui??? De facto é uma zona excepcional!! Quando lá regressas quero ficar outra vez aqui!

Beijocas